Todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus

Deus tem um propósito para o que estou passando?

Muitas vezes não entendemos o propósito das coisas que acontecem em nossas vidas. Perdas, desastres, dificuldades, angústias e tribulações nos deixam cheios de dúvidas em relação a Deus, à Sua existência e às Suas promessas e propósitos.

Entretanto, precisamos saber que Deus tem um propósito em tudo o que acontece. Paulo diz em Romanos 5.3-5 que ele se alegra nas tribulações, pois elas trazem perseverança, caráter aprovado e depois esperança. O apóstolo revela nessa passagem que era consciente de que “tudo coopera para o bem daqueles que amam a Deus” (Romanos 8.28).

  • Paulo e Silas na prisão – Atos 16.23-34

Paulo e Silas foram maltratados e presos por pregar o evangelho de Jesus Cristo, mas eles não se entregaram aos sofrimentos: mesmo na prisão os dois não deixaram de adorar ao Senhor!

Provavelmente eles não tinham ideia do que Deus iria fazer através da prisão deles. Eles estavam encarcerados, mas Deus tinha um propósito naquilo tudo: Salvar uma família! Isso mesmo! Depois de um tremor de terra causado pela adoração de Paulo e Silas, o carcereiro procurou os dois e perguntou a eles como poderia ser salvo. Eles responderam:

“Creia no Senhor Jesus, e serão salvos, você e os de sua casa” (versículo 31)

E o carcereiro e sua família foram salvos!

Você pode achar que a sua situação atual é algo completamente impossível de suportar e não entende qual é o propósito de Deus nisso. Contudo, a verdade é que Deus tem um propósito para tudo o que passamos e vivemos, sejam dores, perdas, lutas ou alegrias, tudo tem um sentido dado por Deus e é controlado por Deus.

Talvez surja uma pergunta: “Mas e as coisas más que acontecem, também foram Deus quem as causou?”. A resposta é não, mas em alguns casos Ele permite que satanás nos atinja assim como na história de Jó (Jó capítulos 1 e 2) para nos mostrar quem somos e quem Deus é em nós. Outras coisas ruins também acontecem por causa da maldade humana, fruto da nossa natureza pecaminosa. Também existem casos nos quais nós mesmos tomamos decisões erradas que nos fazem sofrer. Mesmo assim, Deus age nessas coisas para o nosso bem. José do Egito, no livro de Gênesis, no final de sua vida reconheceu: “Vocês planejaram o mal contra mim, mas Deus o tornou em bem […]” (Gênesis 50.20)

Além disso, existe o tempo de Deus para a finalização dos planos dEle:

“Para tudo existe uma ocasião certa; há um tempo certo para cada propósito debaixo do céu” (Eclesiastes 3.1)

Voltando ao capítulo 16 do livro de Atos, podemos ver que Deus não deixa nada incompleto (Atos 16.35-39), pois depois que a família do carcereiro foi salva, Paulo e Silas – por serem cidadãos romanos – foram soltos e receberam pedidos de desculpas das autoridades (v. 38 e 39).

Portanto, querido leitor, assim como o apóstolo Paulo, nunca se esqueça que “Deus a age em todas as coisas para o bem daqueles que O amam, dos que foram chamados de acordo com o Seu propósito.” (Romanos 8.28)

Anúncios